Sua colaboração vai nos ajudar a fazer o mundo melhor através do desenvolvimento social, cultural e educacional.

Arraste para escolher o valor

Clique e digite outro valor

R$

Publicado em 06/10/2021

Visita ao Memorial da Ferrovia, que fica no complexo cultural da Estação Cultural da Fundação Romi, pode ser feita de terça a domingo



Memorial da Ferrovia na Estação Cultural da Fundação Romi

A Estação Cultural da Fundação Romi, espaço plural e multicultural, convida toda comunidade de Santa Bárbara d'Oeste e região para visitação do seu Memorial de Ferrovia de terça a sábado, das 08 às 17 horas e domingo, das 08 às 12 horas. É uma ótima opção para um passeio em família. O espaço respeita todos os protocolos de higiene e segurança, com obrigatório uso de máscara durante a permanência no espaço e disponibilização de álcool em gel.

O complexo cultural da Estação Cultural da Fundação Romi, formado pela arquitetura do prédio centenário e seu espaço para visitação, oportuniza que tanto o prédio da estação ferroviária quanto o Memorial da Ferrovia da Estação Cultural estabeleçam uma relação dialógica com o público visitante e com a cidade. O contexto da urbanização, a simbologia do progresso com a chegada dos trens, o protagonismo da estação em fatos históricos, personalidade e anônimos que chegaram e partiram, curiosidades sobre rotinas e tempos, se mantem vivos no espaço.

A Fundação Romi, mantenedora da Estação Cultural, tem destinado investimentos constantes à realização de serviços de manutenção e conservação, com o propósito de prolongar o tempo de vida da edificação, seu bom funcionamento e uso. “Após dois anos da execução do projeto que modernizou o Memorial da Ferrovia, com o intuito de difundir a história da ferrovia e sua importância para o desenvolvimento socioeconômico e cultural da cidade e região, estamos realizando nos últimos dias uma nova pintura”, explica o superintendente da Fundação Romi Vainer Penatti. “Assim, mantemos o espaço histórico e cultural conservado, que é uma opção turística para Santa Bárbara d'Oeste, recebendo visitas espontâneas ou para educação patrimonial a estudantes das escolas da cidade e região”, complementa.

Quem assina a parte técnica e histórica do Memorial da Ferrovia é a equipe do Centro de Documentação Histórica – CEDOC da Fundação Romi, coordenada pela historiadora Sandra Edilene de Souza Barboza. “ Toda pesquisa, levantamento de dados e fontes que usamos para planejar e executar o projeto do Memorial da Ferrovia está disponível no site da Fundação Romi, dentro da Estação Cultural. Há um espaço com documentos sobre a 'História da Estação Ferroviária de Santa Bárbara', 'Fontes para história da ferrovia', 'O Memorial da Ferrovia', 'Objetos do Acervo do Memorial', 'Revitalização da Estação Ferroviária' e 'Linha do Tempo', todo acervo disponível para visitação e download”, pontua Sandra.

Serviço - Mais informações acerca da programação da Estação Cultural da Fundação Romi, oficinas, eventos e inscrições podem ser obtidas através do site www.fundacaoromi.org.br/estacaocultural ou pelos telefones (19) 3455-4830 e 3455-4833. A Estação Cultural da Fundação Romi fica à Av. Tiradentes, 02, Centro, Santa Bárbara d'Oeste. O material do Memorial da Ferrovia pode ser acessado na aba MEMORIAL DA FERRVOIA no site www.fundacaoromi.org.br/estacaocultural.

Receba nossas novidades

19 3499.1555

Av. João Ometo, 200, Jd. Panambi - Santa Bárbara d'Oeste, SP

Que tal uma visita?

© Fundação Romi - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por