Sua colaboração vai nos ajudar a fazer o mundo melhor através do desenvolvimento social, cultural e educacional.

Arraste para escolher o valor

Clique e digite outro valor

R$

Publicado em 20/08/2020

Estação Cultural da Fundação Romi realiza atividades online em comemoração ao mês do folclore




Mês de agosto, exatamente no dia 22, é comemorado o Dia do Folclore no Brasil. Para celebrar a data, que é de extrema importância para a cultura do país, a Estação Cultural da Fundação Romi vem realizando atividades de forma online, que são publicadas no canal do Youtube www.youtube.com/FundacaoRomi, ligadas ao Folclore.

Os vídeos disponíveis no Youtube são resultado de um chamamento público que a Estação Cultural da Fundação Romi publicou em suas mídias sociais, com o intuito de receber propostas culturais online voltadas ao folclore. “Recebemos as propostas, e o Comitê Técnico da Estação Cultural analisou e selecionou as que farão parte da programação especial da Estação Cultural da Fundação Romi durante o mês de agosto”, explica a assistente cultural da Estação Cultural da Fundação Romi Natália Fernandes Rocha.

Quem acessa o canal do Youtube da Fundação Romi já encontra algumas histórias folclóricas. O projeto “Contando é Folclore” traz o narrador oral, ator, autor, diretor, pedagogo e arte educador Amauri de Oliveira narrando cinco diferentes histórias de lendas do Brasil. São elas: As travessuras do Saci; O Bicho Papão é o Bichão; Mitos da mata: curupira e caipora; O Boitatá vai pegar e Aventuras de Pedro Malasartes. “No conjunto de tudo que podemos chamar de folclore de uma terra, a verdadeira cultura renasce e se fortalece quando o público tem acesso a histórias folclóricas. O mito resiste ao tempo, caso contrário não seria um mito. Mas como resgatar essa beleza? Passando oralmente essa ampla cultura como era feita outrora, como é feito em alguns lugares distantes do Brasil. Dar conhecimento das mesmas a crianças e jovens e possibilitar a lembrança a adultos e terceira idade”, explica Amauri de Oliveira.

Também foi publicada a oficina cultural “Roleta do folclore” com a artista plástica Elisabete Padovezi. “A atividade é um jogo educativo, que ao rodar a roleta é selecionado o personagem de uma lenda. Quando a roleta parar, a lenda que sair já deve estar escrita e separada em uma cestinha. Vai ser lida pela professora (se for da educação infantil) ou pelo aluno (se for o fundamental). Pode-se trocar as experiências com os alunos sobre o que eles já sabem sobre a lenda. É muito interessante”, fala Elisabete Padovezi.

Folclore é uma palavra que deriva do inglês folklore, que une os radicais “folk” = povo, e “lore”, que é instrução, aprendizado, sabedoria. Sendo assim, FOLCLORE pode ser compreendido como sabedoria popular. Festas tradicionais, como as festas juninas no Brasil e a festa do dia de Sain Patrick, na Irlanda, comidas típicas, lendas, contos e cantos populares, além das diversas superstições e crendices associadas a esse conjunto, são ações que fazem parte do Folclore. Os vídeos de atividades do folclore podem ser encontrados no canal do Youtube www.youtube.com/FundacaoRomi.

Receba nossas novidades

19 3455.4830

Av. Tiradentes, 2 - Centro - Santa Bárbara d'Oeste - SP

Que tal uma visita?

© Fundação Romi - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por