Sua colaboração vai nos ajudar a fazer o mundo melhor através do desenvolvimento social, cultural e educacional.

Arraste para escolher o valor

Clique e digite outro valor

R$

Publicado em 10/02/2020

Educadores do Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi realizam ação junto aos professores do SENAI



A cooperação é fundamental no processo de construção de uma rede de saberes e fazeres educacionais. Quando as ideais são somadas há crescimento em aprendizagem. Na educação do século XXI não há espaço para o individualismo e sim para o coletivo. Com isso, no primeiro sábado de fevereiro, dia 01, os educadores do Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi estiveram na escola SENAI Alvares Romi, em Santa Bárbara d’Oeste, e realizaram workshop com professores da entidade do sistema S. “Nosso sábado foi regido pela construção de pontes e partilhas juntos aos educadores do SENAI. Os caminhos da Fundação Romi e do SENAI se entrelaçam mais uma vez e o catalizador dessa parceria tem nome, Núcleo de Educação Integrada”, ressalta a diretora do NEI da Fundação Romi Ericka Vitta.
A partilha nasceu de uma visita que o diretor Pedro Humberto Contieri Filho e o coordenador pedagógico Marco Antonio Fuzatto, do SENAI, quando foram recepcionados pela diretora pedagógica do NEI, Éricka Vitta, e pelo superintendente da Fundação Romi, Vainer Penatti, quando vieram ao NEI para conhecer a proposta pedagógica e as metodologias aplicadas na escola. Nesta visita foi apontado o interesse em realizar um intercâmbio de conhecimento, começando por este workshop.
Numa segunda oportunidade, será ofertado o curso de capacitação “Necessidades e desafios da Educação contemporânea”, aos educadores do SENAI. A proposta é voltada para metodologias ativas, nova forma de conceber a educação, que tem o aluno como protagonista no centro do processo. O início está previsto para março, conforme centro de interesse. “Os educadores do SENAI poderão optar em participar desta formação. A proposta vai de encontro com o trabalho que eles vem realizando, sempre em busca da inovação na educação”, fala Ericka.
O SENAI-SP iniciou sua parceria com a Fundação Romi em 1958, com a “Escola de Aprendizagem Industrial Fundação Romi-SENAI”, onde a partir de 1960 passa a funcionar no prédio da Avenida João Ometto, onde hoje está o NEI – Núcleo de Educação Integrada. Em 1994 é criado CTPA - Centro Técnico e Pedagógico de Apoio à Formação de Formadores, fundamentada em um convênio firmado entre o SENAI-SP, Fundação Vitae, Fundação Romi, Indústrias Romi S.A. e o Ministério da Educação, sendo este representado pelo Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná – CEFET. O CTPA tinha o objetivo de dar formação pedagógica aos profissionais docentes do SENAI e das Escolas Técnicas Federais, visto que até aquele momento grande parte desses docentes eram técnicos profissionais de suas áreas de atuação mas não tinham formação pedagógica, o que passaria ser uma necessidade. O CTPA funcionou no prédio da Avenida João Ometto até 2008, quando em 26/06/2008 inaugurou sua nova sede própria no distrito industrial de Santa Bárbara d’Oeste com a nova denominação de “Escola SENAI Alvares Romi”, como uma escola de aprendizagem industrial para a formação de trabalhadores para a indústria, onde mantém parceria com a Indústrias Romi S.A..
Além das atividades relacionadas, a Escola SENAI "Alvares Romi" incorporou ao seu calendário anual workshops que, por intermédio de palestras, seminários e exposições, apresentam novas tecnologias presentes no mercado. Nesses eventos participam, principalmente, alunos, ex-alunos, docentes, funcionários e dirigentes de empresas.
Para o superintendente da Fundação Romi Vainer Penatti, mais uma vez Fundação Romi e SENAI mostram o quanto são inovadores. “ O intercâmbio e soma de conhecimento, é positivo para os dois lados. A história do SENAI e Fundação Romi sempre foram e continuam interligadas, sempre pensando na melhor contribuição na educação. A direção e coordenação do NEI terão oportunidade de visitar a escola SENAI da cidade de Pompeia-SP, que conta com uma concepção pedagógica similar a do NEI, aplicada ao ensino médio. Assim, temos uma via de dois sentidos, e todos ganham com a troca de conhecimento”, afirma o superintendente.

Receba nossas novidades

19 3499.1555

Av. João Ometo, 200, Jd. Panambi - Santa Bárbara d'Oeste, SP

Que tal uma visita?

© Fundação Romi - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por