Sua colaboração vai nos ajudar a fazer o mundo melhor através do desenvolvimento social, cultural e educacional.

Arraste para escolher o valor

Clique e digite outro valor

R$

Festival de Pipas e Sarau Literário acontece neste sábado, a partir das 8h30min, no Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi.




Neste final de semana, sábado, 17 de agosto, das 8h30min às 12h30min, acontece, no Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi, a segunda edição do “Festival de Pipas e Sarau Literário” da escola. Com entrada franca, o evento é voltado para alunos do NEI, seus pais, amigos e familiares. A expectativa é reunir, aproximadamente, 2.000 pessoas em uma manhã de muita diversão e cultura. O tema deste ano é “Juntos por um mundo Sustentável” e tem como base a Agenda 2030 e os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável propostos pela ONU.

Na primeira edição, em 2018, o evento reuniu mais de centenas participantes e espectadores. Eram alunos, ex-alunos e futuros alunos, amigos e familiares, todos amantes das pipas e das poesias. “Tivemos uma programação bem completa, voltada para entreter e atender todas as idades. Os professores da Educação Infantil e Ensino Fundamental I promoveram a contação de histórias, o mural de pintura a dedo e a oficina de artes. Já os educadores de Ensino Fundamental II e Médio realizaram uma animada oficina de pipas, com lotação máxima em todas as sessões. Todo o gramado da escola foi ocupado por poetas e pipeiros, iniciantes e veteranos. Organizamos um “palco” para reapresentação dos esquetes vencedores do “Recitar: a palavra em Verso Vivo” e para as declamações das poesias inscritas no Sarau. E, no outro espaço, os competidores empinaram suas produções para competirem no festival. Foi uma manhã incrível”, pontua Ericka Vitta, Diretora do Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi.

Ericka reitera que o dia 22 de agosto é celebrado o “dia do folclore brasileiro” e que dentre as tradicionais brincadeiras do folclore brasileiro está a pipa. Conhecida como pipa, em todo o Brasil, no Norte do Paraná até Curitiba é chamada de Raia. No interior de São Paulo é conhecida como papagaio. Curica, Cângula, Jamanta, Pepeta, Casqueta e Chambeta são os nomes na região Norte. Nas capitais, São Paulo e Rio de Janeiro, é pipa mesmo. Cafifa só em Niterói. Arraia, Morcego, Lebreque, Bebeu, Coruja e Tapioca, Barril ou Bolacha são os nomes na região Nordeste. Algumas cidades e regiões no Sudeste chamam também de Maranhão, Estilão ou Pião. Pandorga é no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e no Sul do Paraná.

Considerando que folclore nacional é sinônimo de cultura popular brasileira e representa a identidade social, segundo afirma Mario de Andrade, também é integrante das manifestações folclóricas nacionais o sarau, que nasce com o objetivo de compartilhar experiências culturais e o convívio social.

Embora esse tipo de encontro tenha chegado ao Brasil em 1808, com a família real movido a erudição, requinte e soberba, com o tempo, essas reuniões passaram a ser organizadas por pessoas interessadas em promover a cultura – protagonizada pelos modernistas como Freitas Valle, Mário de Andrade, Oswald de Andrade e Manuel Bandeira –, até que se popularizaram e passaram a ser um encontro cultural popular, cuja proposta é fazer amigos, cantar boa música, recitar poesias, encenar através do teatro e expor peças e trabalhos de artistas, muitas vezes anônimos, mostrar a beleza das artes e tudo mais que possa transformar esse encontro em um evento plural e multicultural.



Esta edição do Festival de Pipas e Sarau Literário do Núcleo de Educação Integrada ganha outras proporções. Além de o NEI contar com um novíssimo ginásio poliesportivo e multicultural, o evento também será palco para um festival de talentos, onde os alunos irão expor suas aptidões artísticas, seus talentos particulares e habilidades culturais. Somam-se a todo esse arcabouço, as reapresentações teatrais dos premiados esquetes vencedores da edição 2019 do “Recitar”, as declamações de poesias e o varal poético. Paralelamente, nos quiosques da escola, acontecem as oficinas de pipas e contação de histórias. E, claro, o gramadão recebe os pipeiros para um grande espetáculo a céu aberto de pipas, pandorgas, capuchetas, papagaios e todas as suas variações.

Serviço – O Festival de Pipas e Sarau Literário do Núcleo de Educação Integrada acontece neste sábado, 17 de agosto, das 8h30min às 12h30min. Com entrada franca, o evento é voltado para alunos do NEI, seus pais, seus amigos e familiares. Mais informações sobre as oficinas de pipas, o concurso de pipas, o sarau ou show de talentos, podem ser obtidas na secretaria do NEI, sempre das 8h às 17h, pelos fones 3499-1553 ou 3499-1556. O Núcleo de Educação Integrada da Fundação Romi está localizado à Avenida João Ometto, 118, Jd. Panambi, em Santa Bárbara d'Oeste. (19) 3499-1555. www.fundacaoromi.org.br/nei.

Receba nossas novidades

19 3499.1555

Av. João Ometo, 200, Jd. Panambi - Santa Bárbara d'Oeste, SP

Que tal uma visita?

© Fundação Romi - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por