EDUCAÇÃO PATRIMONIAL
“Educação Patrimonial é um instrumento de 'alfabetização cultural', que possibilita a leitura do mundo, levando a compreensão do universo sociocultural e a compreensão da trajetória histórico-temporal, na qual o indivíduo está inserido”. (HORTA, Maria de Lourdes  Parreiras. Guia básico de educação patrimonial. Brasília: IPHAN, 1999).


O Projeto de Educação Patrimonial, “CEDOC em Movimento“, tem como objetivo a ampliação e a diversificação das atividades de Educação Patrimonial, realizadas pelo CEDOC para que os estudantes deixem de ser os visitantes/expectadores, se transformando participantes do processo do aprendizado da história.

Esse projeto permite a ampliação do universo artístico e cultural, pela sua metodologia que prevê o acesso à informação histórica, através de oficinas temáticas com a finalização do trabalho de pesquisa em diferentes formas de expressão, com isso sedimentando o conhecimento, formando cidadãos conscientes da sua história e de sua responsabilidade para com o futuro.

O ponto de partida desse trabalho é a visita ao Espaço Expositivo do CEDOC, e a partir do embasamento histórico o conhecimento é trabalhado de forma interdisciplinar. A metodologia da educação patrimonial, voltada a grupos de estudantes do Ensino Fundamental I, consiste basicamente em quatro momentos: Observação, Registro, Exploração e Apropriação. A quarta etapa da atividade de educação patrimonial, APROPRIAÇÃO, é o momento em que o grupo tem para expressar o significado que ficou para cada um, através de recriação, releitura, dramatização e interpretação em diferentes meios de expressão como pintura, teatro, dança, música, poesia ou texto.

O projeto possibilitará à comunidade, principalmente às crianças e aos adolescentes o conhecimento da história da cidade e da região, de modo a contribuir para o desenvolvimento contínuo dos municípios. O patrimônio cultural de cada comunidade é importante na formação da identidade de todos nós, brasileiros.